Selo Teste de QE
Há 6 anos no ar testando seu QE

Você tem uma Baixa Inteligência Emocional


Baixa inteligência emocional não significa que sua sentença foi assinada, que está fadado ao insucesso na profissão.

Teste de Inteligência Emocional - QE

Inteligência emocional ou o controle emocional está presente em todas as áreas de nossa vida, ter o equilíbrio emocional pode melhorar e muito sua vida e pode até lhe trazer novas e melhores experiências de trabalho. Sim ter um bom QE pode lhe ajudar a conseguir um bom emprego ou ganhar uma promoção, entenda como.

A capacidade mental e conhecimento técnico continuam contando muitos pontos na hora de conseguir um emprego por exemplo, mas é o bom domínio das emoções que faz com que um entrevistador o contrate e não a pessoa ao lado que tem as mesmas credenciais acadêmicas mas é um tanto mal-humorado, e não consegue esconder que sua vida pessoal é uma confusão só.

Além disso, habilidades como empatia, auto motivação, controle dos impulsos, intuição, funcionam como degraus para deixá-lo mais próximo das promoções, garante o psicólogo norte-americano Daniel Goleman no best-seller Inteligência Emocional, uma espécie de bíblia do empresariado atual.

A quem recomende o controle emocional como uma perseguição ao longo da vida e devemos mesmo começar bem cedo ainda enquanto criança se possível. Quanto mais jovem começar, melhor, seis e sete anos por exemplo não é jovem demais para começar a se controlar emocionalmente.

Nosso teste de qe poderá lhe mostrar como está o seu equilíbrio e inteligência emocional, de forma rápida e simples, podendo assim lhe ajudar a melhorar neste aspecto. Faça agora nosso teste de qe e descubra como anda sua Inteligência emocional.

Resultado do Teste de Inteligência Emocional:
BAIXA INTELIGÊNCIA EMOCIONAL

Obter essa pontuação não significa que sua sentença foi assinada, que está fadado ao insucesso na profissão. Experimente fazer uma viagem mental por sua história de vida. Você perceberá que, como outras pessoas, foi ganhador e perdedor em várias situações.

A diferença está na forma como vem reagindo às dificuldades. Enquanto alguns vêem os obstáculos como um desafio a ser vencido, você costuma se apavorar e tem medo de não conseguir ultrapassá-los. Talvez recuse um emprego em outro Estado porque teme mudar sua rotina, por exemplo.

Pronto para desenvolver o seu QE? Use, então, a técnica do vôo de helicóptero: sobrevoe a área. Verifique a topografia dos fatos que marcaram sua vida e perceba quantas vezes foi inábil ao expressar seus sentimentos, exagerando na dose. Avalie também seu nível de pessimismo. Em alta, significa que construiu paradigmas (se acha burro, incompetente...) que precisam ser quebrados -- e só você pode fazê-lo. Mais: ficar magoado, triste, é natural, mas remoer esse e outros sentimentos negativos significa desperdiçar a energia que poderia canalizar positivamente para seus contatos sociais, suas metas profissionais.

Por último, explore o medo de uma forma construtiva, como um instrumento de ponderação, e não como um bloqueador das suas iniciativas. É errando e aprendendo que conseguimos encontrar formas mais prazerosas e gratificantes de viver nossas emoções.